terça-feira, 20 de junho de 2017

Passeio Quinta da Boa Vista

Um sábado pela manhã.
Visita a Quinta da Boa Vista
Onde ficam o Museu Nacional e o Zoo
 De fácil acesso, próximo ao metro  estação
São Cristóvão.








Imensos gramados. Apropriados para descansar e fazer pic nics. 






Na entrada , os anfitriões nos recebem. A entrada mediante ingressos pagos.
O meteorito  de Bendegó é sempre um presente para mim.
Já vi outras vezes.
No meu livro de escola contava-se sobre essa pedra que eu jurava que iria conhecer um dia. Um meteorito que caiu do céu .

Depois do meteorito  de Bendegó visitamos as várias salas
e suas exposições .
Paleontologia - Um tiranossauro no Museu
Indígenas, Arqueológicas ...

Salas do trono  com as características arquitetônicas do período imperial.  

Egito Antigo - Arqueologia pré colombiana
Luzia - arqueologia brasileira - 

Urnas funerárias - múmias -
detalhe das joias de pedra  -  múmia - 

Zoologia

Arqueologia 
Etnologia Indígena brasileira 

Exposição Conchas - Corais - Borboletas
( minhas preferidas ! adoro essas exposições ) 



Nessas salas tinha som de cigarra. Adoro .
E vi besouros verdes.

Do museu Nacional partimos para o Zoo
que também fica dentro da quinta da Boa Vista
Está revitalizado, mas com  poucos animais.
Quase todos em trato veterinário.
Não vimos a girafa, as raposas e outros animais.
Onde estarão ?







Tem muitos pedalinhos. Lanches variados .
Diversão é o que não falta.
Brinca e aprende .

Recomendo esse passeio na Quinta da Boa Vista - Rio de Janeiro
para conhecer melhor pode acessar :
http://www.museunacional.ufrj.br/
www.riozoo.com.br

Meu momento alegria ...

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Da enseada de Botafogo até ao Centro


 O post anterior estava muito down . Chega de mimimi , eu vou continuar postando. 
As vezes acho estranho, pois visitamos outros amigos mas eles nem voltam para te ver.
E do nada vão embora. Obrigada pelo carinho Chica, Emanuel e Amara 
Mas, enfim , águas paradas não movem moinho .... 


Aos sábados dedicamos o dia para passear.  Eu e marido caminhamos pela manhã e tomamos um café da manhã por aí. 
Aproveitamos a paisagem que é de graça e tentamos esquecer os problemas que toda cidade tem. Tudo começa pela enseada de  Botafogo 
Regresso ao lago do restaurante que fechou .

Aos poucos as garças do lago  estão de volta .

Os peixes tentam sobreviver na água turva.
Os moradores de rua, ali tomam banho, escovam dentes e ensaboam suas roupas.
E tem segurança. Mas ai dele, se manifestar contrariedade.

Do outro lado, uma vista espetacular esconde os problemas.
E vamos caminhando até chegar ao centro da cidade.

JR fotografa tudo. Tem fotos belíssimas, mas essas são as minhas.
Eu vou no embalo, mas sou discreta , tenho certa preguiça mesmo.





Meus ângulos preferidos.
  

Bondinho de Santa Teresa.
Arcos da Lapa.
( Aqueduto da Carioca )

Chegando na  Catedral Metropolitana do Rio de Janeiro.
Essa é a vista da parte de trás .
Av. Chile .
Óh !
ou uau




O colorido dos vitrais contrapõe ao cinza das imagens.
E assim sentada em um dos bancos , senti que era observada.
Virei o rosto e pensei que era um segurança ao longe .
Não podia ser, era muito grande.
Levantei e fui até ele.

Não era um segurança.
Era a própria segurança
Mas que falou comigo de imediato.
Que olhou  por mim. 



No jardim, a mais nova visitante.
Madre Maria Teresa de Calcutá
( inaugurada em abril de 2017 )

E uma rosa tenta crescer e alcançar a mão da Santa.
Inexplicável ?


E tem sido assim. Um sábado sim, outro não.

 Vamos caminhando , fotografando os lugares da cidade que abraçamos como nossa terra.

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...